Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

zona de desconforto.

zona de desconforto.

14
Jan16

Ódios de estimação na moda revivalista

Sabem aquelas peças assim mega tendência que aparecem a cada estação que ou se ama ou se odeia? Lembram-se de algumas? Bem, eu lembro-me de várias! Assim de repente lembro-me daqueles tops peplum que se usaram até mais não no Verão passado.

 

93f119ba60210e4be5b7607eb5e283dc.jpg

a0c35c70ccc00fa2c507114230d31024.jpg

219cc4b86a56cb3bdd38df691f667fd4.jpg

Detestooooo. Ou melhor, detestava que eles entretanto desapareceram e, parece-me, não vão ficar para a história. De repente TODA a gente andava com tops peplum, fosse qual fosse o estilo da pessoa, e eu achava sempre aquilo pavoroso. Agora, essas peças sumiram-se e eu quero ver quem é que as vai usar. É por isto que evito ao máximo comprar peças tendência. Ou é uma coisa que eu gosto mesmo muito, seja tendência ou não, ou então abstenho-me. Já sei que quando passar a febre me vou fartar e depois tenho ali uma peça cara – porque as peças tendência são sempre mais caras que as clássicas que estão sempre na moda – que não tem utilidade nenhuma. Foi por isso que não me deixei levar pelas franjas, que de repente estavam em todo o lado,

 

218b1df0145aca191a74791afa82c3d2.jpg

 

pelos kimonos às flores

7b552d7ccc2410de4971230d6ff561cd.jpg

 

e, mais recentemente, pelas cullottes que, vá, até são uma peça engraçada e bem conjugada faz um look muito giro, mas não consigo olhar para elas sem ver uns corsários mais largos e isso é o maior turn off.

a7b9e6fdcf0d185fea3c902f344b5de3.jpg

 

E, principalmente, pelos crop tops e peças em camurça.

A vida já me ensinou a não dizer "desta água não beberei" mas no que há roupa diz respeito, a tentação de gritar “c’orror nunca na vida vou usar aquilo, ou voltar a” é grande. É enorme! E tem-me acontecido muito nos últimos meses. Digam-me lá uma coisa para ver se eu percebo: que raio de moda é esta dos crop tops que parece ter vindo para ficar? Pensei que era uma coisa que ia durar um Verão mas estava enganada. A palavra crop invadiu tudo o que é camisola. Antes eram só os tops mas agora já são sweaters, malhas, casacos... é tudo minúsculo!!

 

1bd8c0c6319b460d05f97b6fd5f6e455.jpg

 

 

6298268b2de970f021a9cc94fd7130ba.jpg

 

Uma pessoa quer comprar uma camisola de malha simples, clássica, que termine ali pelas ancas e é o cabo dos trabalhos para conseguir encontrar qualquer coisa! Não é absurdo? Aqui há dias num site de uma loja de roupa vi uma modelo com uma camisola de malha cinzenta clara, simples e lisa como eu queria. Comecei a rejubilar! "Finalmenteeeeee!!" Cliquei para ver a imagem completa e... desilusão. Não é que o raio da camisola acabava ali algures por cima do umbigo? Sou só eu que estou farta desta moda? Isto é quase tão confuso como aquelas camisolas de malha de gola alta e de manga à cava, tipo top, que é só assim a peça de roupa mais inútil de sempre. Lembram-se? Usava-se muito no início dos anos 00’s. Uma pessoa ficava quentinha no pescoço, que ficava, mas e então e os braços? Pois, tinha de se enfiar uma camisola por baixo e passar o dia todo enchouriçada e horrível, que aquilo não ficava nada bem. Eu sei que a ideia é usar estes crop tops com camisas ou t-shirts por baixo, ou com calças de cintura subida mas what the hell?! eu não quero ser obrigada a andar tipo cebola. Era agradável ainda conseguir ter opções.

Pronto este é um ódio de estimação que não há meio de desaparecer, mas há outro: a camurça. Meu Deus, a camurça.

 

300c653a6d36d04f7785ed4e1402b301.jpg

aa54850b4f21b28694556f42f86225b3.jpg

 

0790632dbe8ccdbcc785669290b20cb7.jpg

 

Já aqui falei da antipatia que tenho pelas calças à boca de sino e de toda a moda dos anos 90 e início dos anos 00’s – digam o que disserem… era tudo muito mauzinho – mas, infelizmente, as peças dessas alturas continuam a ressurgir em versões melhoradas e aumentadas. Ele é camurça nos sapatos, nas malas, nos casacos, nas saias, calças e calções, bolas há uns tempos até vi, penso que na Mango, uma trench coat de camurça! Quem é que foi a mente iluminada que pensou numa gabardine de camurça? Uma gabardine quer-se levezinha e impermeável. Ora se usam a camurça a peça não só passa a ser pesada e permeável como é provável que se estrague num piscar de olhos. A camurça não foi feita para apanhar com água, toda a gente sabe isso. Portanto uma trench de camurça que custa 70€ ou mais é uma ideia que ninguém sabe muito bem porque é que viu a luz do dia. Vá, confesso que há uns meses comprei uns botins rasos de camurça castanha e são bem giros e confortáveis. É verdade, são. Mas também são de uma inutilidade abominável em dias de chuva. Não são impermeáveis e é provável que fiquem todos manchados e de aspecto gasto e velho ao mínimo contacto com água. E graças a este resuscitar parvo da camurça o difícil é encontrar botins como deve ser em pele ou imitação. Valham-me as minhas Hunter que nunca me deixam ficar mal.

E desse lado, quais são as tendências que menos vos convencem?

 

 

Imagens via Pinterest

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D

passaram por aqui